BLOG DO SIMON

A luz do

A luz do "Check Engine" acendeu? Procure um local onde o diagnóstico seja preciso

Quando a luz do seu carro "Check Engine" acende, geralmente é acompanhada por uma sensação ruim. Isto pode significar um problema caro ou algo menor, como uma tampa de combustível aberta. Mas, em muitos casos, o mínimo a ser feito é buscar um local onde será dado o diagnóstico do real motivo do surgimento do sinal no painel do seu carro.

A luz “Check Engine” é um sinal do computador do motor alertando que algo está errado. Antes de 1996, os fabricantes de automóveis tinham seus próprios sistemas de diagnóstico, principalmente para garantir que seus carros fossem compatíveis com os requisitos de controle de poluição da Agência de Proteção Ambiental.

Após este período, houve uma padronização do sistema obedecendo um protocolo com uma lista de códigos de detecção do problema. E a Simon’s por possuir equipamentos de alta precisão, conseguirá fazer a checagem correta para solucionar a questão. Traga o seu carro que nós cuidaremos dele, seja qual for o serviço.

Veja Também

  • O maior inimigo dos carros elétricos na América pode ser o próprio comprador. Quando as novidades do plano fiscal falharam, houve muita conversa de que o plano para matar o crédito tributário federal de U$ 7,5 mil para veículos elétricos tornaria os carros uma venda ainda mais difícil entre os consumidores convencionais. Isso pode ser verdade para alguns compradores, mas os veículos elétricos podem estar enfrentando problemas que, mesmo com um incentivo, pode não ser resolvido.

    Por exemplo, de 16 mi... Ler mais

  • O uso do telefone móvel, para mensagens de texto ou qualquer navegação na internet, enquanto dirige, é ilegal em Massachusetts. O oficial Ken Blass, de Framingham, tem feito algo sobre isso. O Boston 25 News informa que o Departamento de Polícia da cidade acredita que ele seja o que mais aplica multas por distração ao volante, não apenas local, como em todo o estado. 


    Blass multou quase 500 motoristas anualmente, em média, desde 2015. No primei... Ler mais

Comentários